Alemanha devolve machado mesopotâmico ao Iraque saqueado em 2003

Alemanha devolve machado mesopotâmico ao Iraque saqueado em 2003

O governo alemão acaba de entregar ao embaixador iraquiano em seu país, um machado com mais de 4.500 anos que pertencia ao Cidade mesopotâmica de Ur e que foi usado na famosa batalha daquela cidade.

O machado foi encontrado em Munique e analisado no Museu Romano-Germânico até datar, determinando que pertencia a essa data histórica. Porém, não se trata de uma descoberta, mas de um retorno porque, embora não se saiba quando foi roubado, presume-se que tenha acontecido em 2003, quando tropas americanas invadiram o país, época em que o caos reinava no país. País.

Em todo caso, a notícia que emerge disso é diferente, e é o aviso que o governo iraquiano fez de que A Alemanha se tornou o centro internacional de tráfico de obras de arte ilegais, principalmente objetos de terras iraquianas, pois não é a primeira vez que eles encontraram algo lá. Além do mais, em Munique, onde o machado foi encontrado, um distribuidor já foi preso em 2004 e embora o nome não tenha transcendido desta vez, não seria de se estranhar se fosse o mesmo.

Outra coisa que preocupa as autoridades iraquianas é o tempo que levou para confiscar o machado, reconhecê-lo e devolvê-lo, pois é uma indicação clara de todo o caminho que falta para erradicar definitivamente o contrabando ilegal de obras de arte da Alemanha, bem como para recuperar os tesouros que o Iraque tem do seu passado.

Depois de estudar História na Universidade e depois de muitos testes anteriores, nasceu Red Historia, um projeto que surgiu como meio de divulgação onde você pode encontrar as notícias mais importantes da arqueologia, história e humanidades, bem como artigos de interesse, curiosidades e muito mais. Em suma, um ponto de encontro para todos onde possam compartilhar informações e continuar aprendendo.


Vídeo: Antiga Cidade de Ur-Nammu - Mesopotâmia!