A triste situação da Pirâmide Ixtepete

A triste situação da Pirâmide Ixtepete

o Pirâmide Ixtepete, o único sítio arqueológico de Guadalajara, continua a ser ignorado, apesar do número de planos em andamento para escavar as ruínas de maneira adequada e construir um museu no local antes dos Jogos Pan-americanos.

As ruínas pré-hispânicas datado do período epiclássico, cerca de 650, está localizado na Avenida Mariano Otero, no anel viário da cidade, o local é aberto ao público gratuitamente, embora seja frequentado apenas pelos visitantes durante o equinócio da primavera .

Em 2007, o Instituto Nacional de História e Antropologia (INAH) anunciou que 52 milhões de pesos mexicanos seriam disponibilizados (2.930.485 euros aproximadamente) para transformar Ixtepete em uma grande atração turística antes dos Jogos Pan-americanos, embora esses planos nunca tenham sido realizados.

Um sinal solitário revela a idade das ruínas e fornece informações básicas sobre a forma como foram construídas, mas o único sinal de vida nos últimos tempos é a visita de um grupo de crianças locais que participam de um time de futebol ao lado das ruínas da antiga pirâmide.

Fonte: Guadalajara Reporter

Depois de estudar História na Universidade e depois de muitos testes anteriores, nasceu Red Historia, um projeto que surgiu como meio de divulgação onde você pode encontrar as notícias mais importantes da arqueologia, história e humanidades, bem como artigos de interesse, curiosidades e muito mais. Em suma, um ponto de encontro para todos onde possam compartilhar informações e continuar aprendendo.


Vídeo: El Grillo - Zona Arqueológica