Consequências da Revolução Industrial

Consequências da Revolução Industrial

A revolução industrial Foi uma mudança que não afetaria apenas a sociedade da época, senão que marcaria o desenvolvimento humano posterior, e hoje mostramos as consequências mais importantes.

o aparecimento de máquinas mudaria os aspectos sociais, econômicos e políticos, bem como o estilo de vida da população mundial.

Ao mesmo tempo em que barateava certos bens, também aumentou a qualidade de vida de alguns estratos da população, ao mesmo tempo que condenava outros à miséria.

Consequências da Revolução Industrial

No plano econômico, o desempenho do trabalho aumentou substancialmente, enquanto o custo de produção diminuiu. Produzir qualquer bem era muito mais barato do que antes, que fez com que as nações industrializadas gerassem enormes riquezas.

Por sua vez, eles acumularam grande capital que formaram grandes empresas e corporações baseadas na indústria. Câmaras de comércio, bancos e seguradoras floresceram rapidamente. Novas empresas precisam de crédito, algo que o banco garantiu.

Demandas produtivas surgiu depois Revolução Industrial Levaram ao desenho, desenvolvimento e melhoria das vias de comunicação e meios de transporte entre os diferentes países.

O capitalismo alastrou-se como um incêndio e marcou o fim de outras fórmulas econômicas que existiam desde os tempos feudais, assim como do artesanato e da manufatura, que gradualmente desapareceram.

No nível social, a maior repercussão caiu na Grã-Bretanha. Há o processo de desaparecimento do campesinato, que encontrou um rival muito poderoso: as grandes cidades.

Estes foram os centros de referência de industrializaçãoCom isso, a população deixou o campo para se deslocar para os grandes centros urbanos, o que gerou uma mudança na estrutura profissional da população, que passou a ser empregada em larga escala nos diversos ramos da indústria.

A ascensão dos movimentos trabalhistas

A sociedade foi dividida em duas: o proletariado e a burguesia, que promoveu o surgimento de movimentos sindicais e trabalhistas como o socialismo, O comunismo ou mesmo anarquismo.

Teóricos gostam Karl Marx pouco a pouco eles encontraram os fundamentos do movimento trabalhista e as necessidades que eles tinham.

Conforme esta nova organização social progrediu no tempo, as diferenças entre os dois grupos eram cada vez mais visíveis. Por um lado, a burguesia aumentou seu bem-estar exponencialmente, enquanto o proletariado estava rodeado de pobreza e miséria.

As mudanças políticas da Revolução Industrial

No nível político, a burguesia, dotada de maior riqueza, foi finalmente capaz de consolidar seu controle político. As revoluções de 1820, 1830 e 1848 foram as precursoras da queda da aristocracia e da ascensão da burguesia ao controle da sociedade.

O capitalismo predominante na economia também afetou a política, já que o estado concedeu liberdade total às empresas e não interveio diretamente nos negócios, mas promoveu a industrialização e regulamentou os direitos dos trabalhadores.

Mudanças no estilo de vida

Finalmente, também houve mudanças drásticas no estilo de vida. O abandono do campo fazia com que agora as cidades fossem consideradas o centro da vida da população.

Industrialização Em parte, melhorou as condições de vida das pessoas, pois muitos itens eram mais fáceis de produzir, o que baixou seu preço e acessibilidade.

Muitas mulheres ingressaram no mercado de trabalho, que teve um impacto direto nos costumes familiares e na direitos das mulheres.

Apaixonado por História, é formado em Jornalismo e Comunicação Audiovisual. Desde pequeno amou história e acabou explorando os séculos XVIII, XIX e XX sobretudo.


Vídeo: Revolução Industrial IV: Consequências.