Arqueólogos alemães deixam Tróia por falta de fundos

Arqueólogos alemães deixam Tróia por falta de fundos

Uma equipe de arqueólogos alemães, que realizaram escavações durante cerca de 25 anos na antiga cidade de Tróia no noroeste da Turquia, eles devem deixar sua posição para os arqueólogos americanos, informa o diário Hürriyet. A equipe alemã está deixando as escavações para os americanos devido a problemas financeirosdiz o professor Ernst Pernicka, o gerente da equipe de escavação.

Os arqueólogos alemães ainda estavam interessados ​​nas escavações de Tróia, mas a Turquia quer que as escavações sejam realizada por arqueólogos turcosdiz Pernicka. O achado arqueológico mais interessante encontrado em Tróia pode ser descobrir um cemitériodiz Pernicka. "Definitivamente deve haver um grande cemitério em uma cidade com uma população de centenas. Mas o cemitério ainda não foi descoberto”.

Segundo Pernicka, agora é a vez dos arqueólogos de publicar os resultados anos de escavação em um livro de 6 volumes a ser publicado em 2015. O livro vai lançar luz sobre a Ilíada, um poema épico geralmente atribuído a Homero que detalha a Guerra de Tróia, bem como a cidade de Tróia nos períodos grego e romano, diz Pernicka.

O trabalho científico servirá como um monumento ao ex-presidente das escavações, O professor Manfred Korfmann, falecido em 2005. A obra vai carecer de informações sensacionais, segundo Pernicka, que diz que será uma espécie de Documentário muito importante sobre Troy.

Graduado em Jornalismo e Comunicação Audiovisual, desde pequeno me sinto atraído pelo mundo da informação e produção audiovisual. Paixão por informar e ser informado do que está acontecendo em cada canto do planeta. Da mesma forma, tenho o prazer de participar na criação de um produto audiovisual que mais tarde irá entreter ou informar as pessoas.Os meus interesses incluem o cinema, a fotografia, o ambiente e, acima de tudo, a história. Considero fundamental conhecer a origem das coisas para saber de onde viemos e para onde vamos. Interesse especial por curiosidades, mistérios e eventos anedóticos em nossa história.


Vídeo: ALEMANHA, O PAÍS DA SOLIDÃO? AS MATUTAS