Banho ritual de 2.000 anos descoberto em Jerusalém

Banho ritual de 2.000 anos descoberto em Jerusalém

No sudoeste de Jerusalém, devido ao trabalho realizado por um grupo de arqueólogos israelenses, um Banho ritual de 2.000 anos Destaca-se por captar a água da chuva sem a necessidade de intervenção humana. A casa de banho foi descoberta durante a execução das respectivas obras de construção de uma nova estrada no bairro Kiriat Menachem.

Biniamín Storchan, arqueólogo que dirige o projeto, destacou que foram descobertos inúmeros banhos rituais, mas nenhum tinha esse sistema único de abastecimento de água. Entre suas características, destaca a eficiência com que o sistema recuperou até a menor gota de água em uma região caracterizada por seu clima desértico.

A este banho ritual O acesso é feito por escadas a uma câmara subterrânea que recebia água da chuva graças a três pequenos aquíferos localizados na cobertura. Considera-se que ao receber tal água por meio de um arranjo de canais e sem intervenção humana, o líquido seria totalmente puro conforme as leis mais estritas da religião judaica.

O mikve (banhos rituais), continuam a ser usados ​​hoje por homens e mulheres e são um dos mais antigos rituais de purificação do Religião judaica. Os homens mais importantes se banham em suas águas antes das festas, como o Ano Novo, e as mulheres mergulham em suas águas todos os meses após o ciclo menstrual.

EFE

Nasci em Madrid em 27 de agosto de 1988 e desde então comecei uma obra da qual não há exemplo. Fascinado por números e letras e amante do desconhecido, sou um futuro graduado em Economia e Jornalismo, interessado em entender a vida e as forças que a moldaram. Tudo fica mais fácil, mais útil e mais emocionante se, olhando para o nosso passado, pudermos melhorar o nosso futuro e para isso… História.


Vídeo: Sua Vida só anda pra traz, Faça esse ritual e mude tudo.